Donate do SVB

imagem entidades

A Sociedade Vegetariana Brasileira (SVB) esforça-se para zelar pela imagem do vegetarianismo e veganismo no Brasil, criticando e combatendo posicionamentos errôneos e preconceituosos a respeito deste estilo de vida. No intuito de atuar de maneira exemplar e transformadora com esta abordagem, a SVB tem se manifestado diretamente a várias entidades que têm o poder decisório necessário para resolver e corrigir comunicações inadequadas.

 

Veja abaixo alguns exemplos de atuação recente:

 

CONAR - O Conselho Nacional de Autorregulação Publicitária (CONAR) foi acionado SVB a respeito da propaganda enganosa da Friboi, que em comercial televisivo exibe uma nutricionista alegando que "carne é essencial" (veja aqui). A reclamação foi recebida e foi instaurado o Processo Ético Nº 317/13. Porém, em contato telefônico, o CONAR informou que o processo só deverá ser analisado e encaminhado para as devidas providências no início de 2014.

 

CRN-4 - O Conselho Regional de Nutrição 4ª Região (CRN-4), que responde pela região do Rio de Janeiro, foi acionado pela SVB a respeito da mesma propaganda enganosa da Friboi, que em comercial televisivo exibe uma nutricionista alegando que "carne é essencial" (veja aqui). A nutricionista, registrada no CRN-4, não apenas propagou informação tecnicamente errada, como violou o código de ética do nutricionista. O Conselho informou por e-mail que o requerimento está sendo avaliado para que então sejam informadas à SVB as providências que serão tomadas junto à profissional.

 

Rede de restaurantes Seletti - A rede de restaurantes foi acionada pela SVB para retirar o prato "Brasileirinho", que continha caldo de carne, do Menu Vegetariano da rede. O prato, inclusive, aparecia no cardápio acompanhado de um "Tag" com a letra V indicando que era vegetariano. A SVB entrou em contato ao ser alertada por uma filiada, requerendo que a Seletti retirasse o ingrediente do prato ou, caso contrário, deixasse claro para o cliente que o produto não era vegetariano. Após solicitação pela SVB, a rede retirou do website o "Tag" vegetariano do prato, e informou estar substituindo os cardápios por um novo modelo em que o Brasileirinho foi retirado do menu vegetariano (veja novo cardápio em PDF).

 

Outras instituições foram abordadas e advertidas recentemente, como o CONCEA (Conselho Nacional de Controle da Experimentação Animal) após o seu ex-coordenador Marcelo Morales ter declarado em rede nacional que "precisamos dos animais na alimentação" (veja aqui). Neste caso, o CONCEA acusou o recebimento e encaminhamento do ofício para análise pelos departamentos jurídico e de comunicação do Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI), ao qual está vinculado.

 

A SVB funciona com base em filiações por todo o Brasil para representar as demandas da comunidade vegetariana e vegana em torno de diversas questões, incluindo comunicações errôneas como as exemplificadas acima. Não deixe de se filiar para continuar viabilizando este importante trabalho.

 

Receba as novidades!

Receitas

Midia

Youtube SVB

Scroll to top